Polícia

Banco Central bloqueia R$ 4 mil de contas bancárias de Guido Mantega

26 de setembro de 2016
  • Por
    Luiza Adorna
  • Fonte
    Agência Brasil e G1
  • Foto: Agência Brasil
    compartilhe essa matéria

    Ex-ministro foi alvo da 34ª fase da Operação Lava Jato

    Depois da determinação do juiz Sérgio Moro de bloquear até R$ 10 milhões das contas bancárias do ex-ministro da Fazenda Guido Mantega, o Banco Central informou nesta segunda-feira (26) que houve cumprimento parcial da medida por falta de saldo. O ex-ministro teve R$ 4.447,55 bloqueados.

    Segundo o procurador da República Carlos Fernando dos Santos Lima, o ex-ministro é acusado de ter solicitado ao empresário Eike Batista um montante de R$ 5 milhões para quitação de dívidas de campanha do PT. A Polícia Federal, com apoio da Receita Federal, investiga fatos relacionados à contratação pela Petrobras de empresas ligadas a Eike Batista para a construção de duas plataformas (P-67 e P-70) para a exploração de petróleo na camada pré-sal. Moro afirma já haver provas de que, em abril de 2013, Eike Batista “teria pago” US$ 2,350 milhões ao publicitário João Santana e a Mônica Moura, responsáveis pelo marketing das campanhas do PT. O depósito da quantia estaria comprovado documentalmente nos autos do processo.

    Moro também determinou o bloqueio de bens de outros seis investigados na 34ª fase da Lava Jato que foram presos temporariamente. 

    Veja o quanto foi bloqueado de cada um:
    Guido Mantega – R$ 4.447,55
    Luiz Claudio Machado Ribeiro – R$ 452 mil
    Ruben Maciel da Costa Val – R$ 255 mil
    Danilo Souza Baptista – R$ 262 mil
    Luiz Eduardo Carneiro – R$ 6,6 milhões
    Luiz Eduardo Neto Tachard – R$ 15,9 mi
    Júlio Cesar Oliveira Silva – R$ 4,5 mil
    Francisco Corrales Kindelán – R$ 8,9 mil

    Vídeos curtos