Política

Vice-prefeito de Santa Cruz afastado do cargo reitera inocência das acusações apresentadas na Operação Controle

26 de abril de 2024
  • Por
    Portal Arauto
  • Documento foi divulgado pela assessoria jurídica de Elstor Desbessell na tarde desta sexta-feira | Foto: Nícolas da Silva/Portal Arauto
    compartilhe essa matéria

    Na tarde desta sexta-feira (26), o vice-prefeito afastado de Santa Cruz do Sul, Elstor Desbessel, emitiu uma nova reiterando sua inocência. Desbessell não ocupa o cargo desde novembro do ano passado, quando foi deflagrada a Operação Controle, pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e da Promotoria de Justiça de Santa Cruz do Sul.

    Confira as últimas notícias

    Elstor destacou, por meio de sua assessoria jurídica, que “recebe a notícia pública de que foi apresentada Denúncia com muita serenidade e reitera sua inocência. Quando receber a citação do processo, se manifestará no mesmo sobre os termos constantes, por meio de sua assessoria jurídica. Enquanto homem público, ressalta que tem uma trajetória de mais de 30 anos de serviços prestados à comunidade santa-cruzense, sempre pautada pela ética, honestidade e compromisso com o interesse público. Reforça que irá batalhar diuturnamente para provar a sua inocência e reparar o dano que a sua imagem pública e honra tem sofrido.”

    Na manhã desta sexta (26), o Ministério Público divulgou que 20 nomes investigados na operação foram denunciados formalmente após a fase de recolhimento e análise de provas. De acordo com o MP, os delitos foram cometidos entre dezembro de 2020 e novembro de 2023. O procedimento investigatório tem mais de 40 mil páginas e 8,4 terabytes de dados de provas produzidas.