Esportes

Capitão do tri, Carlos Alberto Torres morre aos 72 anos

25 de outubro de 2016
  • Por
    Luiza Adorna
  • Fonte
    ESPN, Globo Esporte e Zero Hora
  • carlos-alberto-3669.jpg
    compartilhe essa matéria

    Ele foi reverenciado no mundo todo por seu passado no futebol e pela conquista de 1970

    Morreu nesta terça-feira (25), aos 72 anos, Carlos Alberto Torres. Capitão da Seleção Brasileira na conquista da Copa do Mundo em 1970, o ex-jogador teve passagens por Santos, Botafogo, Fluminense e Flamengo, além do New York Cosmos. Considerado um dos maiores jogadores da história do futebol mundial, Torres foi vítima de um infarto, de acordo com informações do canal Sportv, onde ele trabalhava como comentarista.

    O lateral-direito era o capitão da seleção brasileira na Copa do Mundo de 1970, que encantou o mundo com Pelé, Tostão, Rivellino e cia, conquistando o tricampeonato, no México, ao vencer a Itália por 4 a 1 na grande final. Depois, como treinador, o Capita, como era carinhosamente chamado, teve como pontos altos a conquista do Campeonato Brasileiro de 1983, pelo Flamengo, a Copa Conmebol, em 1993, pelo Botafogo, e o Campeonato Carioca pelo Fluminense, em 1984.

    Vídeos curtos