Região

Rio Pardo recebe 24º Seminário de Língua Portuguesa

23 de julho de 2016
  • Por
    Cátia Kist
  • Fonte
    Portal Arauto
  • 20160721_153458.jpg
    compartilhe essa matéria

    Evento se estende até sexta-feira

    Coordenado, em nível estadual, pelo professor Elenor Schneider e, em nível local, pela coordenadora pedagógica Lisete Nascimento, o XXIV Seminário Estadual de Língua Portuguesa e Literatura Rio-Grandense, XX Fórum de Educação e III Seminário Internacional de Literatura ocorre no Clube Literário e Recreativo de Rio Pardo desde ontem. Com o objetivo de oportunizar o debate sobre a literatura, a língua e os processos educacionais emergentes, o evento reúne os interessados até amanhã, às 17h.

    Há 25 anos, o evento ainda era sonho. Um desejo do professor de literatura Glenio Farion. Ele reunia um grupo de palestrantes itinerantes e saía transmitindo conhecimento por algumas cidades. Até surgir a ideia de realizar o I Seminário Estadual de Língua Portuguesa e Literatura Rio-Grandense. A partir da quinta edição, quem assumiu a coordenação foi o professor Elenor Schneider, procurado através do Departamento de Letras da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), na época, chamada de Fisc. É a 20º edição coordenada por Schneider. Para ele, organizar o seminário é uma questão de paixão. “É um evento respeitado e me sinto feliz por isso”, destaca.

    Quem também tem amor ao fazer é a coordenadora pedagógica Lisete Nascimento. Desde a primeira edição, ela se encontra presente. “Estar à frente desse evento é uma emoção. Tenho muita afinidade com a temática e me orgulha o fato dele nunca ter sido interrompido”, diz. Quando uma edição termina, a próxima começa a ser pensada. “É quase uma gestação anual”, fala Lisete.  A edição de 2016 teve 252 pessoas inscritas, mas, em outros anos, o número de participantes já ultrapassou 300.

    Um desses participantes é o professor e escritor Mauro Klafke. Desde 1993, ele vem de Gramado Xavier participar do evento. “Para mim, é um dos mais importantes seminários do Rio Grande do Sul”, salienta. Klafke cita a seriedade na organização do evento, a relevância dos temas abordados e a qualidade dos palestrantes.  O evento ocorre até amanhã, às 17h. Alunos do ensino médio e superior, professores, profissionais da área educacional, escritores e demais interessados são bem-vindos.

     

    Programação para amanhã

    8h15min – Palestra: Cristiane Dall Cortivo Lebler (Unisc). Tema: A escrita na sala de aula e para além da sala de aula: reflexões e questionamentos.

    10h – Palestra: Leila Pereira (escritora, oficineira, palestrante e atriz). Tema: Famílias de A a Z.

    13h45min – Lígia Margaret Hertzer. Tema: Artes, poesias e Vidas Secas.

    14h30min – Joana Lopes Pereira (UFRGS). Tema: A música na sala de aula.

    Ilustração do Conjunto Musical da EMEF Félix Hoppe, de Quarta Linda Nova, Santa Cruz do Sul. Maestro: Prof. José Ornélio Peixoto.

    17h – Encerramento.  

    Vídeos curtos