Geral

Em Santa Cruz, Grupo do Bem se une em solidariedade e concentra doações na Paróquia Ressurreição

8 de maio de 2024
  • Por
    Nícolas da Silva
  • Colaboração
    Pedro Thessing
  • Voluntários do Grupo do Bem trabalham na Paróquia Ressurreição | Foto: Pedro Thessing
    compartilhe essa matéria

    A Paróquia da Comunidade Ressurreição, que fica na Rua Andrade Neves, 20, em Santa Cruz do Sul,  tornou-se lugar de demonstração de solidariedade às vítimas atingidas pela enchente. No local, o Grupo do Bem concentra esforços de voluntários e doações que levam esperança aos atingidos.

    Nesta quarta-feira (8), a equipe recebeu uma carreta repleta de doações vindas de Concórdia, Santa Catarina. Luciana Tremea, representante do Grupo do Bem, compartilhou o significado desse esforço coletivo: “É um trabalho de muita gratidão, com muitos voluntários e muitas doações. Hoje recebemos muitas doações, através de um caminhão que veio de Concórdia, em Santa Catarina. Veio tudo separadinho, do jeito que precisa ser“.

    Entre os itens recebidos, não são apenas os produtos físicos, mas também as mensagens de solidariedade que os acompanham. Luciana ressalta: “Em muitas dessas doações ainda constam cartinhas com mensagens de força e amor. A cada coisa que chega aqui pra gente, ficamos emocionados“.

    O Grupo do Bem não limita sua atuação a um único local. Nesta última semana, estiveram presentes em 14 municípios, levando auxílio e esperança a comunidades afetadas.

    Os itens mais essenciais continuam sendo alimentos, materiais de higiene e roupas de inverno, especialmente considerando as baixas temperaturas que se aproximam. As doações podem ser feitas diretamente no local, na Paróquia da Comunidade Ressurreição.

    Luciana faz um apelo à empatia e à compaixão: “Façam um exercício em casa. Se coloquem no lugar das pessoas, porque elas precisam de tudo“, finaliza.

    Leia também: Aos 80 anos, morador de Vale do Sol é um dos braços de solidariedade em meio à reconstrução

    Vídeos curtos