Polícia

Jovens são presos por tráfico de drogas pela segunda vez na semana em Santa Cruz

4 de abril de 2024
  • Por
    Nícolas da Silva
  • Fonte
    Portal Arauto
  • Foto: Brigada Militar/Divulgação
    compartilhe essa matéria

    Força Tática da Brigada Militar realizou a ação no Bairro Pedreira na manhã desta quinta-feira

    Por volta das 11h30min desta quinta-feira (4), a Força Tática da Brigada Militar de Santa Cruz realizou uma operação no Bairro Pedreira, resultando na prisão em flagrante de dois homens pelo crime de tráfico de entorpecentes. A dupla, de 18 e 19 anos, já havia sido flagrada pelo mesmo crime na última segunda-feira (1º), no mesmo local. Na ocasião, foram liberados pela justiça.

    A ação policial ocorreu após uma averiguação em um local conhecido por ser ponto de venda de drogas. Os policiais avistaram dois homens sentados próximos a uma árvore, quando um terceiro indivíduo chegou ao local. Um dos homens atravessou a rua em direção a um terreno baldio, enquanto o outro ficou monitorando a área. Após o retorno do primeiro, a equipe realizou a abordagem e encontrou uma porção de crack com o terceiro homem, que alegou ser usuário. Os documentos do terceiro foram encontrados com um dos homens abordados, indicando que havia "empenhado" os pertences para comprar a droga.

    Leia também: Operação da PF que mira contrabando e trabalho escravo cumpre mandados em Santa Cruz

    Os policiais, então, realizaram uma busca no terreno baldio e encontraram mais porções de crack armazenadas em um pote. Diante desses fatos, os dois homens foram presos em flagrante por tráfico de entorpecentes e associação para o tráfico. O usuário de drogas também foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos.

    Os antecedentes dos presos incluem tráfico de entorpecentes,  roubo a estabelecimento comercial e exercício arbitrário das razões (fazer justiça pelas próprias mãos).  

    Na operação, foram apreendidas 20 porções de crack, um smartphone da marca Samsung, documentos de identidade e cartões, além de R$ 1,05.