Futuro pela frente


Publicado em 12/07/2018 Atualizado em 13/07/2018 10:09

Depois da derrocada da Seleção Brasileira na Copa – e considero que o time de Tite caiu de pé, porque jogou bem -, é hora de pensar o futuro do futebol brasileiro. Alguns jogadores que disputaram a Copa da Rússia dificilmente estarão no Mundial do Catar, daqui a quatro anos, mas existe uma boa safra de jogadores vindo por aí.

Mais uma vez o emocional contou mais forte e foi o responsável pela eliminação brasileira. Levar um gol daquele jeito, contra, numa jogada trabalhada pela Bélgica, mexeu com a cabeça dos atletas brasileiros, apesar deles manterem o bom futebol. O contra-ataque puxado por Lukaku, e não interceptado pelo meio-campo canarinho, foi mortal e resultou no segundo gol.

Mas o pior foi a insistência em afunilar o jogo pelo meio-campo, onde sempre é mais complicado, e não contar com jogadas pelos lados para alçar bolas para a área, com a presença de um bom e velho centroavante (daqueles trombadores, sabe?).

Deve permanecer

Tite deve permanecer no cargo – isso é uma opinião minha. Mas deve ser cobrado. Atualmente, na CBF, não existe ninguém com a figura que possa cobrar ele. Edu Gaspar, o diretor de Seleções, não vai fazê-lo, até porque foi colega de Tite no Corinthians. A cobrança deveria partir do presidente da entidade, ou de um diretor próximo a ele. Mas nenhum deles está com moral para tanto. Nem conseguiram viajar para a Rússia para assistir/acompanhar a Copa do Mundo. Repito, Tite deve permanecer, mas seus métodos precisam ser revisados e questionados.

Final

Pelo futebol e a superação apresentadas, a Croácia merece o título do Mundial neste domingo (12h, horário de Brasília) contra a França. Mas, os franceses possuem a figura de Mbapé em excelente fase, aos 19 anos. Ele é uma das figuras da Copa ao lado do meia croata Luka Modric. MBapé ainda é novo e será um dos grandes personagens do futebol mundial

Vida fora de campo

Um personagem inusitado roubou a cena durante a comemoração croata pela classificação para a final da Copa do Mundo na Rússia. Trata-se do filho do defensor Domagoj Vida, que foi levado ao gramado pelo pai logo após o apito final. A felicidade do garoto pela vitória da seleção croata comoveu a web logo que ele foi flagrado pela transmissão da partida. Ele participou da celebração nos ombros do pai e, em seguida, correndo pelo campo. Pelas redes sociais, Vida compartilhou com seus seguidores um registro do momento do pequeno em seus ombros. "Meu tudo", escreveu o defensor croata.

Futuro pela frente aqui

Assisti ao Gre-Nal de Aspirantes no meio da semana pela televisão e vi que uma boa safra de jovens talentos está por vir pela dupla. Do Grêmio destaco Mateus Henrique, o Mateuzinho, que é apontado como substituto do volante Arthur, porém, acredito que eles não sejam da mesma função. Mateuzinho, pelo que vi joga mais adiantado e tem características de um meia que dá ritmo ao time. Pelo lado do Inter vários jogadores também, com destaque para o zagueiro Alemão.

Uma boa semana a todos!

PortalArauto
Imagem da semana: Croata Vida carrega seu filho nos ombros depois da classificação da Croácia para a final (Reuters)





Jacson Miguel Stülp

Jacson Miguel Stülp, jornalista de formação, especializado em Comunicação Empresarial e Marketing. Atua no meio do esporte há 20 anos como repórter, editor, setorista, assessor de imprensa e devorador de mídia esportiva. É autor, entre outras coisas, do livro Orgulho Centenário, que conta os 100 anos do FC Santa Cruz.




Copyright © 2016 Portal Arauto - www.portalarauto.com.br